Ranking de Países que mais usam Robôs no Mundo

Robotização como melhoria de processos
Robotização como melhoria de processos
5 de fevereiro de 2019
Robôs Geram Empregos e não Desempregos
14 de março de 2019
Exibir tudo

Ranking de Países que mais usam Robôs no Mundo

ranking de países que mais usam robôs no mundo

Boa parte da mão de obra em muitos países já é respondida por máquinas. Isso fica ainda mais evidente quando falamos da indústria automotiva e eletroeletrônica.

Um estudo da Federação Internacional de Robótica (IFR, na sigla em inglês) fez um cálculo da densidade de robôs industriais em muitos países calculando o número de máquinas para cada 10 mil trabalhadores da indústria em geral.

O Japão é o país que figura no topo da lista, pois para cada 10 mil trabalhadores, existem 306 robôs. Coreia do Sul e Alemanha estão logo atrás do Japão, pois as densidades são respectivamente 287 e 253 robôs.

A quantidade de máquinas nos três países citados acima superou a média quando comparado com as demais nacionalidades. Dados do estudo feito apontaram que a média de robôs para cada 10 mil trabalhadores é de 50.

 

Brasil ocupa 37ª posição em ranking de países que tem densidade inferior a 10 robôs para cada 10 mil trabalhadores

No ranking dos países com densidade inferior a 10 robôs para cada 10 mil trabalhadores, o Brasil fica na 37ª posição, ficando atrás de países como Tailândia, África do Sul, México, Indonésia e Argentina.

Apesar de estar em uma posição ruim, no ano de 2010 o Brasil adquiriu 640 robôs, gerando um crescimento comparado ao ano anterior de 29%. A automotiva é uma das indústrias que mais contratam no país os robôs, mais ao mesmo tempo tem contratado trabalhadores.

Ambas contratações evidenciam que o aumento das máquinas no mercado de trabalho não traz, necessariamente, uma ameaça aos profissionais, pois as contratações de trabalhadores também estão crescendo.

Conforme o IFR, no ano de 2010 foram comercializadas 118 mil unidades de robôs industriais ao redor do mundo e isso significou 47% a mais se comparado ao ano anterior.

Esse crescimento foi motivado pela recuperação da economia em todo o mundo após ter enfrentado o pior período da crise que afetou os Estados Unidos da América. Em 2011, a expectativa era que a indústria robótica mundial cresceu até 18% chegando a vender quase 140 mil unidades.

Tal ação é motivada pelo BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China), pois eles devem aplicar dinheiro para que suas plantas sejam modernizadas com o objetivo de obter maior competitividade.

No período entre 2012 – 2014, a expansão esperada era de 6%, em média, considerando todas as vendas realizadas a cada um dos anos.

 

Conheça a Roboter iN uma empresa que desenvolve novas tecnologias

A ROBOTER iN mantém constante desenvolvimento de novas tecnologias visando nacionalizar e viabilizar a implantação do robô industrial em processos como o de polimento, até então dominados por fornecedores estrangeiros que inviabilizam a robotização de pequenas e médias empresas devido a seu alto custo.

Além disso, realizamos manutenção 24 horas, manutenção corretiva, manutenção preventiva, manutenção preditiva e serviços de treinamento.

Para saber mais, entre em contato agora mesmo com a nossa equipe para entender como podemos te ajudar a tornar o sistema da sua empresa mais inteligente e, ainda, trazer maior eficiência em todos os processos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *